sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

O amor de muitas formas

Com certeza nos apaixonamos por muitas pessoas ao longo da vida, cada uma delas de um modo diferente e nenhum desses modos mais ou menos intenso. E de repente vamos nos apaixonar por mais de uma pessoa ao mesmo tempo, porque várias são as pessoas que estão nas nossas vidas num mesmo momento.

Algumas vamos querer conhecer melhor, vamos aprender a aceitar seus defeitos, amando suas qualidades. Então essa paixão revelar-se-a amor, que também será diferente para cada uma dessas pessoas e nem por isso mais ou menos dedicado.

Esse amor pode renovar-se paixão, amizade ou simplesmente uma lembrança, e o que realmente importa é, como dizem os poetas, que "qualquer maneira de amor vale a pena".

6 comentários:

.ana disse...

que lindo isso, bela. e é verdade: os sentimentos vão se transformando, ficando mais ou menos intensos, mas nem por isso, perdem sua importância na nossa vida.
;)

beijos!

Daniel disse...

Exatamente, desde que seja amor, desde que seja bom... vale a pena. Pois plantar amor é bonito demais.
Beijos

Luna Sanchez disse...

Eu amo estar apaixonada!

=**

ℓυηα

Anônimo disse...

O poeta foi um pouco mais além na interpretação ou na sugestão de interpretação ao dizer que "toda forma de amor vale a pena"...
Mas será que todos os seres humanos estão preparados para compreender a amplitude do amor pregado pelo poeta e aceitá-lo a si, em si, para si?! Ou será que alguns quando percebem-no em si, simplesmente fogem de si e mandam-no embora, para bem loge de si?!

Vladir Duarte disse...

É isso mesmo, desde que seja realmente AMOR!

Menina Misteriosa disse...

Perfeito!
Acredito muito nisso; e, algumas coisas, não podemos medir!
;)
Beijos

http://meninamisteriosa.wordpress.com/
http://www.aceuabertodaboca.blogspot.com/

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin