quarta-feira, 7 de outubro de 2009

ApaixonadaMente...

Às vezes simplesmente coloco meu desejo ali, naquele lugar, não tem um motivo. Eu já deixei de querer entender e não espero que ninguém o faça. Então só porque eu gosto de você, você não é obrigado a gostar de mim do mesmo jeito.

Não, não é simples assim, mas eu sei que eu também tenho meu ritmo. E por saber que você é responsável, que sabe zelar por suas conquistas, é que tudo fica muito natural, como tem que ser com tudo o que é importante.

9 comentários:

Alexandre Prestes disse...

realmente é dificil, por isso eu achei interessante postar a materia ..

beijos mocinha

Alexandre Prestes disse...

ah, se quiser me add no msn: alexpres_sp@hotmail.com

nao aceite ..

beijo

Luna Sanchez disse...

Bela,

Como é bom chegar a esse ponto, ver o sentimento como nosso, apenas, e não esperar reciprocidade integral, instantânea e completa, em um piscar de olhos...isso liberta.

Beijos de quarta. Dois.

ℓυηα

Emerson Souza disse...

Que maturidade einh?!
Quando crescer quero ser como vc.
Bjus.

L.S. Alves disse...

demora pra gente chegar nessa conclusão. Conheço gente que ainda chegou. Talvez até eu mesmo esteja no caminho.
Quando eu chegar lá te aviso.
Um abraço moça.

.ana disse...

cada vez que leio aqui vejo como pensamos de forma semelhante... ;)


beijos!

Daniel disse...

Respeitar as desigualdades é um requisito importante pra que um relacionamento siga adiante. Não é fácil quanto parece ser, mas vale o sacrifício.

Beijos

Prity disse...

Muito bonito o texto! Obrigada pela visita!

Menina Misteriosa disse...

Sentimento lindo, libertador, grandioso.
E a liberdade une.
Gostei daqui...
Beijos

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin