quarta-feira, 13 de maio de 2009

Eu vejo desenho nas nuvens

Eu vejo desenho nas nuvens
é bom brincar de dizer ao vento
o que seu movimento pode criar.
Devagarzinho, como flor que desabrocha,
vão se formando todo tipo de coisas
cenário, paisagem, bicho, gente.
Às vezes dá vontade de soprar
para ver se ajuda na figura.
Mas só às vezes
a graça mesmo
é ver o vento soprando mansinho
aquele monte de algodão doce.

(Essa foto foi tirada por mim em Minas Gerais).

7 comentários:

Marcus disse...

Sempre gostei de ficar procurando os desenhos nas nuvens!

belo poema!

Bjs

.ana disse...

adorei!
e que linda a foto! =)

beijos!

Vladir Duarte disse...

Texto lindo, foto esplendorosa!

Valeu!

C. disse...

Também gosto de olhar para o céu e arriscar um palpite dos desenhos feitos pelas nuvens.
Que fofo teu poema!

Márcio Luiz Soares disse...

Se os algodões do céu não criam, eu invento. Sempre procuro, sempre encontro, sempre me trazem paz.
Belo poema.
Beijo

AllanRoots disse...

Simplismente Adorável...

Morenah disse...

Adoro observar esses lindos algodões... se são doces eu não sei... mas alegram minha alma... acalmam meus pensamentos... E adorei a foto, aaaaaa...estrada... amooo... adoro viajar, viajo não prá ir a lugar algum, mas prá ir. Viajo pelo simples propósito de viajar. A grande sedução é se mover, assim como as nuvens de algodão.

Beijokas minha flor.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin