sexta-feira, 24 de julho de 2009

Vou contar até um...

Há momentos em que uma reflexão fria e analítica em relação aos fatos é impressindível. Momentos em que reagir emocionalmente às circunstâncias nada adianta, é melhor se recolher, avaliar as coisas a partir de uma perspectiva mais racional, mais distante, julgar da forma mais imparcial possível. É claro que isso é um exercício, mas o que é a vida? Agir de maneira diplomática nem sempre é fácil, em circunstâncias difíceis a tentação de agir de uma maneira impulsiva é muito grande, mas aquele segundo em que a gente para respirar e pensar pode fazer a diferença entre uma atitude que vai valorizar ou não o seu tempo.

7 comentários:

.ana disse...

eu sou muito assim: me recolho em momentos complicados, fico sozinha, reflito bastante, e penso numa forma de resolver as coisas. talvez eu devesse ser mais estourada, mas não consigo. tenho essa coisa da introspecção.

beijos!

L.S. Alves disse...

Com o passar dos anos fui controlando cada vez melhor minha impulsividade, talvez tenha trabalhado até mais do que devia. Hoje percebo que às vezes me falta a explosão necessária. Mas a vida é isso mesmo vivendo e aprendendo.
Um abraço moça e bom final de semana pra você.

Emerson Souza disse...

Oie,
"Quem pensa muito não casa".
Bjus

Luna Sanchez disse...

Bela,

Concordo contigo. Não devemos deixar que o sentimentalismo afogue nossa capacidade de raciocínio lógico.

E, outra vez certa, a vida é uma sequência de exercícios.

Ótimo texto, flor.

Dois beijos,

ℓυηα

Jéssica disse...

Acho que tem uma certa diferença entre ser diplomata e ser racional. O racional diz o que é certo e válido para ele, o diplomata fica naquela do "tudo bem, vamos parar com isso, deixa isso pra lá". É mais uma coisa de apaziguar a situação, e não querer entendê-la.

Mas enfim, isso se faz necessário e só se aprende a ser assim com o tempo, a maturidade, etc =D

;*

Menina Misteriosa disse...

Ótimo texto!
Eu tento buscar o equilíbrio. Agir sempre por impulso é perigoso, mas pensar demais também.
Beijos

Clara disse...

No fundo é tudo uma questão de auto-controle.
Bjks

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin